fbpx

Linha 5-Lilás recebe Feira de adoção de cães; confira

Promovida pela concessionária ViaMobilidade em parceria com a ONG Cão Sem Dono, ação será realizada nos dias 12 e 13 deste mês, das 11h às 16h

A Estação Campo Limpo recebe uma feira de adoção de cães nesta quinta (12) e sexta-feira (13). A iniciativa é promovida pela ViaMobilidade, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 5-Lilás de metrô de São Paulo, em parceria com a ONG Cão Sem Dono. A ação será realizada das 11h às 16h na área externa da estação. Todos os cães são castrados, vacinados e vermifugados.

O objetivo é divulgar a importância da adoção responsável. Os interessados deverão apresentar documento com foto e comprovante de residência, além de passar por uma entrevista. Quem estiver apto e adotar um cão receberá uma guia para transportar o animal para casa. O calendário está programado para outras estações até maio, confira abaixo.

Transporte de animais no metrô

Pelas regras, os animais devem pesar no máximo 10 quilos e ser acomodados em uma caixa própria para este tipo de transporte, sempre fora dos horários de pico: das 4h40 às 6h; das 10h às 16h e das 19h até meia-noite. O animal só poderá ser transportado em horários de pico excepcionalmente em caso de agendamento de intervenção cirúrgica mediante apresentação de solicitação formal assinada pelo médico veterinário.

Esse traslado deverá ocorrer sem prejudicar a comodidade dos passageiros e terceiros, sempre observada a proibição do transporte do animal que, por sua ferocidade, peçonha ou saúde, provoque desconforto ou comprometa a segurança do veículo e das pessoas presentes.

Serviço – Feira de adoção de cães

Data: 12 e 13 de março

Horário: Das 11h às 16h

Local: Estação Campo Limpo

Endereço: R. Noanama, 85

Enfim, Gostou da matéria?

Então siga o Via Coletivo no FacebookTwitter Instagram.
Assim Você poderá acompanhar tudo sobre Trens, Metrô, Ônibus, Uber, Aviação e outras matérias relacionadas a Mobilidade Urbana e Transportes.

Aílton Donato

Cristão, paulistano, técnico em manutenção automotiva, empreendedor digital, criador dos perfis CPTM da Depressão e Metrô SP Depressivo nas redes sociais e do site Via Coletivo. Sonoplasta nas horas vagas e apaixonado por Mobilidade Urbana, em especial pelo sistema sobre trilhos.