Cabine de higienização é instalada na estação Tatuapé

Nesta segunda (04), a CPTM instalou uma cabine de higienização na estação Tatuapé, que atende as linhas 11-Coral e 12-Safira da companhia, e que tem transferência para a linha 3-Vermelha do Metrô.

O equipamento está disponível para uso dos passageiros durante todo o horário de funcionamento da estação, das 04:00 à meia-noite.


A cabine é a primeira instalada na capital, em parceria do Governo do Estado com a farmacêutica Neobrax.

Alexandre Baldy, secretário dos Transportes Metropolitanos, disse que “a previsão é termos o box de higienização em mais 25 estações da CPTM e do Metrô”.

Semelhante a um túnel com cerca de três metros, a cabine possui um sensor de presença, que aciona borrifadores com clorexidina, uma solução hidroalcoólica higienizante.

Mais eficaz que o álcool, a solução é certificada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).


Cada pessoa fica quatro segundos dentro da cabine. A eficácia da solução é de quatro horas.

A clorexidina tem sido empregada para limpeza de superfícies, equipamentos e roupas em hospitais, consultórios odontológicos e outras unidades de saúde, na antissepsia da pele e membranas mucosas; e no tratamento de feridas e queimaduras.

Pedro Moro, presidente da CPTM, disse que “a instalação da cabine mostra mais uma vez a preocupação da CPTM com a saúde dos seus passageiros. Ainda assim, a nossa principal recomendação continua sendo a mesma: se possível, fiquem em casa”.

Enfim, Gostou da matéria?

Então, siga o Via Coletivo no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Desse modo você poderá acompanhar tudo sobre Trens, Metrô, Ônibus, Uber, Aviação, bem como outras matérias relacionadas a Mobilidade Urbana e Transportes.

David Molina

David Molina

Paulistano, budista, fotógrafo, entusiasta do transporte público, editor dos perfis CPTM da Depressão e Metrô SP Depressivo no Facebook.

Deixe uma resposta