fbpx

Rodízio de veículos em SP será ampliado e mais restritivo

A Prefeitura de São Paulo irá limitar a circulação de veículos na cidade por meio de um rodízio ampliado e mais restritivo. A medida tem como objetivo ampliar o isolamento social na cidade.

O Prefeito Bruno Covas (PSDB) fez o anúncio na manhã desta quinta (07). “Momentos extremos exigem medidas extremas” disse.


A partir da próxima segunda (11), carros com placas de final par (0, 2, 4, 6 e 8) só poderão rodar em dias pares e veículos com placas final ímpar (1, 3, 5, 7 e 9), nos dias ímpares.

A medida é válida para toda a Capital e não apenas o centro expandido. As restrições irão acontecer durante as 24 horas do dia, incluindo sábados e domingos.

Táxis serão isentos. Motoristas de aplicativos só poderão rodar nos seus dias de placas, par ou ímpar, assim como funcionários de padarias, supermercados, pet shops, lotéricas e demais funcionários de serviços comerciais.

Profissionais de saúde deverão solicitar a isenção do rodízio pelo e-mail isençã[email protected]


Carros que já possuem isenção do rodízio, como os de portadores de deficiências físicas, continuam com o benefício.

A Prefeitura informou que irá colocar mais mil ônibus em circulação na cidade para reforçar a frota.

Enfim, Gostou da matéria?

Então, siga o Via Coletivo no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Desse modo você poderá acompanhar tudo sobre Trens, Metrô, Ônibus, Uber, Aviação, bem como outras matérias relacionadas a Mobilidade Urbana e Transportes.

David Molina

David Molina

Paulistano, budista, fotógrafo, entusiasta do transporte público, editor dos perfis CPTM da Depressão e Metrô SP Depressivo no Facebook.

Deixe uma resposta