fbpx

Ônibus de SP deverão circular apenas com passageiros sentados

A Prefeitura de São Paulo determinou que os ônibus da cidade deverão circular apenas com a capacidade máxima de passageiros sentados.

Edson Caram, secretário municipal de Transportes, informou que a medida passa a ser obrigatória a partir deste sábado (06), e tem como objetivo evitar lotações nos transportes municipais.


Caram informou que ônibus sairão vazios dos terminais para recolher os passageiros nos pontos do percurso para evitar lotação dos coletivos.

“É importante então a população entender que se em um determinado momento o ônibus que ela está esperando no ponto passar e não parar, logo atrás virá um outro com condição de recolhe-lá para levar ao seu trabalho”, disse o secretário em entrevista à TV Globo.

Nesta sexta (05), a medida ainda é uma recomendação. A partir de amanhã (06), passará a ser uma norma.

“Vai ser obrigação. Hoje nós vamos recomendar, a partir do momento que eu colocar o protocolo no site e mostrar como vai ser, passa a ser obrigação das empresas a respeitarem o que está no protocolo”, disse o secretário.

Caram informou ainda que o número de passageiros do transporte municipal permaneceu estável desde o início da crise sanitária.

“Desde o início do decreto do prefeito nós temos tido o mesmo número de usuários diariamente. Não fugimos daquela faixa de 33% de usuários utilizando. Estamos com 65% da frota em circulação”, afirmou.


CPTM e Metrô

O secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, afirmou que não é possível restringir o número de passageiros nos trens da CPTM e do Metrô.

“O transporte sobre trilhos é um transporte em massa, totalmente diferente dos ônibus que são de baixa capacidade”, afirmou.

Baldy disse ainda que a frota chega a operar com 100% em alguns horários, apesar da redução de 70% no fluxo de passageiros de um dia normal.

Enfim, Gostou da matéria?

Então, siga o Via Coletivo no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Desse modo você poderá acompanhar tudo sobre Trens, Metrô, Ônibus, Uber, Aviação, bem como outras matérias relacionadas a Mobilidade Urbana e Transportes.

David Molina

David Molina

Paulistano, budista, fotógrafo, entusiasta do transporte público, editor dos perfis CPTM da Depressão e Metrô SP Depressivo no Facebook.

Deixe uma resposta