fbpx

Prefeitura de SP planeja diminuir frota de ônibus em 25%, diz sindicato

De acordo com informações do Sindicato dos Motoristas e Cobradores de São Paulo (Sindmotoristas), a Prefeitura de São Paulo pretende reduzir a frota de ônibus em 25% a partir desta quinta (25).

O Sindicato afirma que as informações são extraoficiais, que foram obtidas em algumas empresas. Valdevan Noventa, presidente do sindicato e deputado federal, afirmou que a redução é “inadmissível”.

“Na semana passada, o secretário Edson Caram foi exonerado por não encontrar uma solução para a superlotação dos veículos e como pode reduzir, ainda mais, a frota de ônibus? O compromisso firmado publicamente não foi aumentar a frota”?

O presidente do sindicato afirmou ter recebido informações de que os trabalhadores teriam novas escalas de trabalho e que está tentando agendar uma reunião em regime de urgência com as empresas e a gestão municipal.

“Não aceitamos um único veículo a menos em São Paulo. Estamos tentando uma agendar uma reunião em regime de urgência com as empresas e o Poder Público. Não vamos permitir esse grande absurdo com a categoria”, concluiu.

A SPTrans, por sua vez, afirmou que a frota será “readequada”, passando de 11.779 ônibus em circulação para 10.791, uma redução de 8,39%. Desta forma, a frota em circulação será de 84% de um dia útil. A empresa afirmou que a divulgação do sindicato foi “irresponsável”.

Enfim, Gostou da matéria?

Então, siga o Via Coletivo no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Desse modo, você poderá acompanhar tudo sobre Trens, Metrô, Ônibus, Uber, Aviação, bem como outras matérias relacionadas a Mobilidade Urbana e Transportes.

David Molina

David Molina

Paulistano, budista, fotógrafo, entusiasta do transporte público, editor dos perfis CPTM da Depressão e Metrô SP Depressivo no Facebook.

Deixe uma resposta