fbpx

Jilmar Tatto do PT promete transporte gratuito para desempregados e estudantes caso seja eleito

O pré-candidato pelo PT a prefeitura de São Paulo, Jilmar Tatto, apresentou algumas propostas de campanha pertinentes a Mobilidade Urbana em uma entrevista concedida a TV Bandeirantes na noite da última quinta-feira, dia 10 de setembro.

Jilmar Tatto, que já foi secretário de transportes na gestão do ex-prefeito Fernando Haddad (PT), disse que pretende implantar o sistema de pagamento de “tarifa gradual” para que pessoas desempregadas e estudantes fiquem isentas de pagar tarifas nos ônibus municipais da cidade de São Paulo.


“Por isso da minha proposta de fazer o transporte público gratuito gradual, para o desempregado poder procurar emprego o estudante poder ir para escola, ou mesmo no parque, cinema, namorar, ele ter o direito de fazer isso. Eu vou começar de forma gradual”, disse Tatto.

O pré-candidato ainda disse que o benefício era totalmente gratuito na gestão Haddad, e que estudos estão sendo realizados para que a isenção volte a ocorrer caso ele seja eleito.

Veja também:

Caso não seja possível, outra alternativa apresentada pelo candidato é a gratuidade durante a semana e o pagamento de um valor simbólico aos finais de semana, com o estudante pagando apenas R$ 1.


Outra proposta apresentada por Jilmar Tatto foi a redução do valor da tarifa comum, com o usuário podendo deixar de pagar os atuais R$ 4,30 nos finais de semana, feriados e madrugadas e passando a custear somente R$ 2.

Quando questionado sobre a viabilidade das propostas, Tatto afirmou que é viável, porque colocando o valor da tarifa a R$ 2 o número de usuários no transporte público tende a aumentar, com isso aumentando a arrecadação.

Enfim, Gostou da matéria?

Então, siga o Via Coletivo no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Desse modo você poderá acompanhar tudo sobre Trens, Metrô, Ônibus, Uber, Aviação, bem como outras matérias relacionadas a Mobilidade Urbana e Transportes.

Aílton Donato

Cristão, paulistano, técnico em manutenção automotiva, empreendedor digital, criador dos perfis CPTM da Depressão e Metrô SP Depressivo nas redes sociais e do site Via Coletivo. Sonoplasta nas horas vagas e apaixonado por Mobilidade Urbana, em especial pelo sistema sobre trilhos.