fbpx

Governo de SP anuncia programa que facilitará compra de motos para motofretistas

O Governo de São Paulo anunciou nesta segunda-feira, dia 21 de setembro, o programa Motofretista Seguro. O serviço será coordenado pelo Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP).

O programa oferece facilidades de financiamento na compra de novas motos, formação profissional e regularização da documentação necessária para o exercício mais seguro da profissão.


Além disso, a categoria também contará com benefícios para compra de itens de segurança e EPIs (Equipamentos de Proteção Individual).

Na primeira fase do programa, o investimento será de R$ 5 milhões. A iniciativa compõe o conjunto de ações do Governo do Estado para marcar a Semana Nacional de Trânsito, de 18 a 25 de setembro. Neste ano, a campanha tem como tema “Sem Respeito Não Dirija”.

O programa vai receber recursos da arrecadação de multas e terá o apoio de parceiros como SindimotoSP, Banco do Povo Paulista e Sindicato das Autoescolas (CFCs).

Os motofretistas que precisam regularizar a situação da CNH devem se inscrever no site www.motofretistaseguro.sp.gov.br e ingressar no curso de formação desenvolvido pelo Detran de São Paulo. Também é preciso cumprir alguns requisitos, como idade mínima de 21 anos, ter CNH e exercer atividade remunerada.

Profissionais com a CNH regularizada poderão ter acesso a linhas de crédito de até R$ 8,1 mil para compra de motos e R$ 3 mil para aquisição de equipamentos. Além disso, os profissionais também contarão com condições diferenciadas de financiamentos que serão realizadas com empresas parceiras.

Já os condutores que realizaram cursos de formação há mais de cinco anos poderão contar com aulas de reciclagem.

Enfim, Gostou da matéria?

Então, siga o Via Coletivo no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o Facebook, Twitter e Instagram. Desse modo você poderá acompanhar tudo sobre Trens, Metrô, Ônibus, Uber, Aviação, bem como outras matérias relacionadas a Mobilidade Urbana e Transportes.

Aílton Donato

Cristão, paulistano, técnico em manutenção automotiva, empreendedor digital, criador dos perfis CPTM da Depressão e Metrô SP Depressivo nas redes sociais e do site Via Coletivo. Sonoplasta nas horas vagas e apaixonado por Mobilidade Urbana, em especial pelo sistema sobre trilhos.