fbpx

Estação Pinheiros receberá oito novas escadas rolantes

Obras começam em 19/12; capacidade de movimentação dos passageiros na CPTM e ViaQuatro irá aumentar em 50%

A partir de 19 de dezembro a Estação Pinheiros, que atende as linhas 9-Esmeralda da CPTM e a Linha 4-Amarela de metrô – administrada pela ViaQuatro – começará a receber oito novas escadas rolantes que irão aumentar em 50% a capacidade de movimentação de passageiros, oferecendo mais conforto, segurança e agilidade para quem utiliza o local, importante ligação entre a zona sul e a região central da capital paulista.

As novas escadas rolantes irão se somar às 24 já existentes, o que amplia a capacidade da estação de 14,4 mil passageiros por hora para 21,6 mil passageiros por hora. Cada escada rolante transporta até 7,2 mil passageiros por hora.


“Fizemos diversos estudos de fluxo na Estação Pinheiros e concluímos que as novas escadas rolantes serão fundamentais para evitar aglomerações – mesmo após o final da pandemia – e reduzir o tempo de transferência entre as duas linhas. Pinheiros está entre as estações mais movimentadas tanto da CPTM quanto da ViaQuatro e queremos oferecer mais conforto a todas essas pessoas”, afirma Alexandre Baldy, Secretário de Transportes Metropolitanos de São Paulo.

Os equipamentos vão oferecer duas novas rotas de deslocamento de passageiros entre a superfície, plataforma e transferência entre as duas linhas. Elas serão instaladas nos mezaninos inferior e superior e nos níveis intermediário 1 e superfície. A previsão é que a instalação de todas as oito novas escadas rolantes seja concluída até a primeira quinzena de junho de 2021.

Das oito novas escadas, duas estarão em área administrada pela CPTM e as seis restantes, pela ViaQuatro. De acordo com o Metrô, responsável pela instalação das escadas, três desses equipamentos já foram inspecionados, e os outros cinco passarão pelo processo já na segunda quinzena de dezembro.


As atividades ocorrerão sempre durante a madrugada, com o objetivo de trazer impacto mínimo para os passageiros. Entretanto, durante todo o período de obras, os passageiros observarão tapumes nos locais onde as escadas serão instaladas e em áreas reservadas para o correto armazenamento de materiais, de modo a garantir a segurança de quem passa por esses locais.

Além disso, haverá alteração nas catracas tanto da CPTM quanto da ViaQuatro, com a devida sinalização por parte das duas empresas, e algumas lojas deverão ser temporariamente realocadas dentro das estações.

Para se ter uma ideia da importância da Estação Pinheiros para a mobilidade urbana da capital paulista, antes da crise sanitária 126 mil passageiros passavam em média pelo local em dias úteis.

Enfim, Gostou da matéria?

Então, siga o Via Coletivo no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o Facebook, Twitter e Instagram. Desse modo você poderá acompanhar tudo sobre Trens, Metrô, Ônibus, Uber, Aviação, bem como outras matérias relacionadas a Mobilidade Urbana e Transporte.

Letícia Castilho

Letícia Castilho

Paulistana, blogueira, empreendedora digital e amante da mobilidade urbana que procura sempre levar informações relevantes e de qualidade ao público que acompanha o Via Coletivo diretamente pelo site ou através dos perfis nas redes sociais.